publicidade

Fesporte apresenta nova divisão esportiva para 2021


As mudanças foram propostas e aprovadas pelo Conselho Estadual de Esporte


Escrito em 13/04/2021


A Fesporte está excepcionalmente sob uma nova divisão de microrregiões e regiões esportivas dos seus eventos. O objetivo, segundo a área técnica, é se adequar às restrições sanitárias em tempo de pandemia. As mudanças foram propostas e aprovadas pelo Conselho Estadual de Esporte, após a construção dos ajustes pelos técnicos da Fesporte.

No calendário aprovado no final do ano passado, as disputas classificatórias seriam divididas em 18 microrregiões e agora acontecerão em 36. As fases regionais, até então divididas em municípios de seis regiões, agora passam a serem disputadas em nove. 

A justificativa ao aumento se dá pela segurança sanitária já que haverá a diminuição de concentração de atletas e pessoas envolvidas nos eventos. O novo formato traz uma mudança significativa. Antes as etapas regionais que, eram disputadas em até cinco dias, agora poderão ser completadas em um dia e meio, mais um ponto positivo para aliviar a pressão do calendário escolar apertado por conta da pandemia. A economia financeira dos municípios, gerada pelas reduções nos deslocamentos, também foi levada em conta para a implantação das mudanças. 

Todas as mudanças representarão, também, alterações na fórmula de disputas das competições considerando o número de classificados em cada uma das microrregiões e regiões esportivas. Tais mudanças serão divulgadas em breve, por intermédio de novos regulamentos oficiais no site da Fesporte.

Segundo o presidente da Fesporte, Kelvin Soareas, as adequações foram necessárias para que os eventos esportivos fossem realizados com toda segurança e que o setor não parasse.

“O esporte catarinense não é apenas o jogo na quadra, o atleta na pista. É toda uma cadeia esportiva e econômica que envolve, atletas,  treinadores, que dependem de bolsa atleta, dos municípios, que precisam se organizar por meio do nosso calendário. Enfim, nos que fazemos o esporte catarinense estamos sensíveis ao momento em que vivemos e temos plena confiança que conseguiremos alcançar todos os objetivos propostos”.

Fonte: Antonio Prado/Assessoria de Imprensa da Fesporte

Veja as fotos:

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade