publicidade

Bruno Becker encerra participação nos Jogos Paralímpicos


O seu melhor resultado veio nos 200 metros nado livre, no domingo, quando avançou a final e foi o quarto colocado


Escrito em 02/09/2021


O paratleta rio-sulense Bruno Becker da Silva encerrou na noite de quarta-feira sua participação nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. O atleta competiu na fase classificatória dos 50 metros nado livre no Centro Aquático de Tóquio, não garantindo vaga para a final da bateria na classe S3. 

Essa foi a terceira prova que o nadador disputou. O seu melhor resultado veio nos 200 metros nado livre, no domingo, quando avançou a final e foi o quarto colocado. Na segunda-feira Bruno participou dos 50 metros nado peito, mas também acabou não avançando para as finais. Ele é o primeiro atleta da história do município a disputar os Jogos Paralímpicos.

Bruno tem amplo currículo de vitórias e acumula diversas conquistas nacionais e internacionais. Em 2019 quebrou diversos recordes internacionais e foi três vezes medalhista dos Jogos Parapan-Americanos em Lima, no Peru. Após os Jogos de Tóquio, Bruno deve retornar com a Seleção Brasileiro para São Paulo, no Centro Olímpico Brasileiro, já visando o início de preparação para os Jogos Parapan-Americanos de Santiago, no Chile, que ocorre em 2023. 

Atualmente são 53 medalhas da Seleção Brasileira nos Jogos Paralímpicos. São 18 medalhas de ouro, 13 de prata e 22 de bronze, totalizando 53 medalhas. Agora, faltam apenas três para o país igualar a melhor marca de medalhas douradas em uma única edição. O recorde de 21 ouros foi alcançado em Londres 2012. Em Tóquio, o Brasil também já alcançou a histórica marca de 100 medalhas de ouro na história dos Jogos Paralímpicos, após a vitória do fundista Yeltsin Jacques na prova dos 1.500m.

Fonte: Arthur Hoffmann/Assessoria de Imprensa da FMD

Veja as fotos:

PUBLICIDADE

Publicidade
Publicidade
Publicidade